top of page
fundo capi.png

quem somos

A Capivara é um projeto idealizado por Ana Marta Cattani e Juliana Vettore,  duas amigas que têm uma grande paixão em comum: os livros. Em janeiro de 2020, Ana Marta e Juliana somaram suas experiências com a literatura e lançaram o primeiro curso capivaresco: A Poesia de Rimbaud, com Alberto Martins e Fabrício Corsaletti. Foi um sábado intenso, que reuniu a manada em torno da vida e obra do genial poeta francês autor das Iluminações e de Uma Temporada no Inferno: 

Untitled design.png

Rimbaud por Fabrício Corsaletti

Hoje em dia, a Capi – como é carinhosamente apelidada – é um espaço preparado para reunir, das mais diversas formas, virtual ou presencialmente, uma comunidade de bichos-poetas-escritores-leitores. 

Somos gregárias e nada nos faz mais felizes do que formar grupos em torno dos temas que nos alimentam a alma. Quem acompanha a nossa programação de cursos e oficinas, aulas abertas, lançamentos de livros, encontros de leitura já deve ter notado que a poesia é protagonista. Somos roedoras de versos, mas também apreciamos a boa prosa.

Atualmente, nosso time capivaresco é liderado por:

ANA.png

Ana Marta Cattani além de roer também rabisca seus versos. Advogada, cursou a pós-graduação em formação de escritores do Instituto Vera Cruz – SP. Participou da coletânea “Prêmio Off Flip de Literatura 2020” (Selo Off Flip) e da antologia “Corpo de Terra” (Ed. Quelônio). Tem poemas publicados em zines e nas revistas “Ruído Manifesto” e “Gueto”. 

ftgus01OKV2.png

Gustavo Marcasse tem sol em design, lua em dramaturgia e ascendente em artista visual. Formado em Processos Fotográficos - IFPR e com participação no Núcleo de Dramaturgia Contemporânea SESI - PR. Participou da mostra oficial do Festival de Teatro de Curitiba em 2019 com a peça “Fedra em o fantástico mundo de Hipólito” (dramaturga). Selecionado também para a 22ª FEIA - Festival do instituto de artes da UNICAMP em 2021 (colagista). Foi capista em projetos para as editoras Luna Parque (São Paulo) e Ó Editorial (Curitiba).  

f9cbc1_7e2245bf01c4413bb9f19bfa7dac384a~mv2.jpg

Ana Cláudia Romano Ribeiro é poeta, tradutora e professora da Universidade Federal de São Paulo. Seus últimos livros publicados são O fragmento 31 de Safo e outros poemas (Urutau, 2023), A casa das pessoas (7Letras, 2023, poemas), A vida de Deise, com Deise Abreu Pacheco (Hucitec, 2022, tirinhas), Sol talvez seja uma palavra, com o coletivo de poetas Anáguas (7Letras, 2022), e Ave, semente (Editacuja, 2021, poemas e desenhos).
Está no prelo a Utopia (1516) de Thomas More, que ela traduziu, anotou e organizou (Editora da UFPR). Alguns de seus projetos têm relação com as artes visuais e com as artes da cena. É associada fundadora d'A Capivara Instituto Cultural, onde fez a curadoria do acervo literário #poesiaqueer, e medeia os encontros do NaLetra (Núcleo de Leitura d'A Capi), com Deise Abreu Pacheco, dedicados à leitura de ensaios sobre a escrita, assinados por autoras.

bottom of page