top of page

A poeta de sábado é Anilda Leão




Anilda Leão, escritora, jornalista, atriz, cantora e militante feminista nascida em Maceió em 1923, é lembrada por seus múltiplos talentos e atuação corajosa em temas tabus. Ela estudou em diversos colégios e escolas técnicas, e se formou em Ciências Contábeis. Anilda publicou seu primeiro poema com apenas 13 anos e colaborou com diversas revistas e jornais. Ela também participou ativamente da Federação Alagoana pelo Progresso Feminino, tendo sido sua presidenta em 1990. Anilda casou-se aos 30 anos com o arquiteto e escritor Carlos Moliterno, com quem teve dois filhos. Além de escritora, Anilda atuou como atriz em filmes, séries e teatro, e dirigiu o Departamento de Assuntos Culturais durante a Ditadura Militar. Ela sempre abordou temas considerados tabus em suas obras, como virgindade, homossexualidade e prostituição. Anilda faleceu em 2012, deixando um legado de coragem e talento.




Chão de pedras, 1961.




14 Poetas alagoanos. Poemas escolhidos, 1974



14 Poetas alagoanos. Poemas escolhidos, 1974




Chão de pedras, 1961.




Chão de pedras, 1961.


















bottom of page